Friday Mixes – Vol. #28

Luis Felipe —  26/08/2011 — 2 Comentários

O final de semana chegou mais cedo hoje! Curtam os oito (de muitos!) melhores remixes que saíram essa semana, especialmente a bela recriação do novo single de Marina & The Diamonds pelo Starsmith, a releitura country de “Yoü And I” da Lady Gaga, e o surpreendente remix do Moonlight Matters pro novo single do Mark Ronson com a MNDR. Tudo sem demora, aqui embaixo!

.

Marina & The Diamonds - Radioactive (Starsmith Remix)

Ela está chegando aos poucos, mas não é exagero dizer que enquanto metade das pessoas gostaram do novo single da Marina & The Diamonds, “Radioactive”, metade certamente torceu o nariz. Mas a boa notícia: Marina escalou uma série de DJs famosos (Captain Cuts, Chuck, Starsmith) para remixar seu novo single, e o que vemos agora é a primeira prévia disso. Na versão do Starsmith, que fez a própria “Hollywood” da cantora e o álbum completo da Ellie Goulding, ficam de fora o baixo e as batidas electro, e após deixar a música crua, o produtor fica livre para criar seu próprio terreno em cima, cheio de sintetizadores, detalhes novos e uma produção luxuosa que por hora lembram o The Sound of Arrows, fazendo com que o remix se pareça mais como uma “versão alternativa” (e muito, muito melhor) do que um próprio remix. Seja o que for, apostamos que Marina está morrendo de raiva agora que  viu o resultado. Os fãs antigos, por outro lado, não poderiam estar mais felizes.

Marina & The Diamonds - Radioactive (Starsmith Remix)

.

Lady Gaga – Yoü And I (Mark Taylor Extended Remix)

Mais uma prova de como uma música original pode ser melhorada, ouçam o que Mark Taylor fez com a nova da Lady Gaga, “Yoü And I”. O produtor cria uma sonoridade completamente country à-la Shania Twain, mas com um toque do electro das produções da cantora, e parece se agarrar de vez a esse lado caipira que a original só flertava. E se você acha que ficou “brega”, está completamente errado, a música está mais divertida do que nunca. Adicione ainda um break com violões, pianos e todo um clima americano (que só está disponível nessa versão extendedida que saiu hoje), que não terá erro se quiser surpreender uma pista.

Lady Gaga – Yoü And I (Mark Taylor Extended Remix)

.

Mark Ronson & The Business – Record Collection (Moonlight Matters Remix)

Sinceramente, os remixes do Moonlight Matters nunca me convenceram. Mas o cara foi escalado para um EP de remixes da nova versão do single de Mark Ronson (“Record Collection” com vocais da MNDR!) e sua aparição roubou o destaque de muita gente “maior” por aí. Desde o primeiro segundo percebe-se que esse não é um remix convencional, mas sem dúvidas um muito intrigante. O motivo são os violinos que abrem a faixa, sampleando de forma brilhante o tema de Rocky, “Eye Of The Tiger”, e junto às guitarras que vêm logo a seguir (que permeam toda a música), a música fica com um clima totalmente diferente da original. Mais agressivo, meio anos 80 e meio disco-moderno, o remix cria uma tensão constante até o último segundo, liberado de forma esplendorosa pelo refrão com a MNDR.

Mark Ronson & The Business – Record Collection (Moonlight Matters Remix)

.

Housse De Racket – Roman (Robotaki Remix)

Quando você é bem recebido por lasers, já sabe que o remix é bom. Na versão do Robotaki, “Roman”, o explosivo single do Housse De Racket, vira uma festa de sintetizadores, pianos e um clima completamente sonhador, lembrando uma espécie de remix perdido do M83 tocado numa festa intergaláctica A ótima versão, que será lançada pela própria Kitsuné semana que vem, parece ter sido produzida com muita atenção nos detalhes, e nos traz um take mais dançante e emplogante da faixa, inclusive mais do que o remix do Oliver.

Housse De Racket – Roman (Robotaki Remix)

.

Alex Winston – Velvet Elvis (King Charles Remix)

Alex Winston eestá prestes a lançar um incrível debut, e “Velvet Elvis” já chegou como uma das melhores músicas pop do ano. Em seu remix oficial, que será lançado junto ao single no dia 19 de Setembro, o King Charles assume a bateria e cria um festival de batuques, utilizando ainda os belos trompetes e a percussão da original. Se o BPM é basicamente duplicado em seus versos, escutem só o incrível break desse remix, onde as batidas parecem triplicar, lembrando inclusive uma versão africana das baterias de Nicola Roberts.

Alex Winston – Velvet Elvis (King Charles Remix)

.

Nicola Roberts – Lucky Day (Thin Red Men Remix)

Por falar nela, o novo single de Nicola Roberts, “Lucky Day”, apesar de ter sido produzida pelo Dragonette, perde e muito em questão de charme para o adorável primeiro single, “Beat Of My Drum”. Em um dos seus poucos remixes oficial, o segundo e o melhor a sair, feito pelo Thin Red Men, prefere não mexer muito na versão original mas adicionar batidas electro suficientes para deixá-la muito mais daçante, ainda que previsível e não muito original. Destaque para o break e o solo de sintetizadores, que dá um toque diferente e chega como uma certa surpresa na música de Nicola.

Nicola Roberts – Lucky Day (Thin Red Men Remix)

.

Fixers – Swimmhaus Johannesburg (Star Slinger Remix)

Confesso que sou um grande fã da original dessa música, e que apesar de ainda achar os Fixers como um todo um tanto quanto underateds por aqui ainda, o que o Star Slinger fez com “Swimmhaus Johannesburg” foi espetacular. O clima “rock grandioso” da original dá espaço para batidas hip-hop e vocais auto-tunados, torcidos e distorcidos, que criam uma atmosfera totalmente diferente da outra versão, e graças ao belo refrão, a música nunca esteve mais acessível. Recomendo que ouçam e comparem ainda com a original.

Fixers – Swimmhaus Johannesburg (Star Slinger Remix)

.

Foster The People – Helena Beat (Wheel Wells Remix)

Está rolando um concurso para saber quem traz o melhor remix de “Helena Beat”, do Foster The People, e apesar de me frustar com muita coisa do topo do pódio, foi lá pela posição 147 que se encontrava essa pérola. O Wheel Wells parece ser, assim como nós, um grande fã do RAC ou do Fred Falke, visto que traz batidas gostosas de se ouvir e que não agridem os ouvidos. Com um início italo-disco, desde a entrada dos vocais na casa do primeiro minuto o remix se mostra uma versão cheia de surpresas, suave, original e autoral, e porque não dançante, do ótimo single da banda. O break conta com um drop inesperado e também muito bonito.

Foster The People – Helena Beat (Wheel Wells Remix)

.

[PACOTE COMPLETO] ♫ Friday Mixes #28 (D/L: Botão direito, Salvar como…)

2 respostas para Friday Mixes – Vol. #28

  1. Remix Show!!!

Deixe seu comentário