Nikkiya – Titanic / Cheater

Luis Felipe —  24/08/2011 — Leave a comment

Conheça Nikkiya, uma futura popstar vindo de Atlanta, que estava no burburinho até pouco tempo atrás, mas graças ao lançamento de sua primeira mixtape, SpeakHer, ela está ganhando devida atenção nos blogs afora. Depois de passar sete meses no estúdio com o Yelawolf (protegé do Eminem), a coletânea no traz produções detalhadas e extremamente bem-feitas, misturadas com um pouco de R&B e rap. As comparações com o furacão Nicki Minaj entretanto, serão inevitáveis. Do estilo extravagante às letras femininstas, Nikkiaya, por outro lado, nos traz composições mais poéticas, e arrisco dizer, até mesmo mais acessíveis e voltadas para o pop que a conterrânea.

E é na minha favorita, “Titanic”, a faixa que abre a mixtape, que Nikkiya prova que não é mais uma. Com batidas dubstep açucaradas, uma linha electro pulsante e sintetizadores entorpecentes, como a própria cantora diz, a faixa nos traz uma produção “tão gigante quanto o navio que dá seu título”, alternando na velocidade da luz entre vocais rap e R&B. O resultado, embora não pareça pela descrição, é uma canção relaxada e tranquila até certo ponto, característica que contrasta com a maioria das outras da mixtape.

Nikkiya – Titanic

Agora “Cheater”, o primeiro single, sem dúvidas foi a melhor escolha. Em sua forma mais feminista, a música representa a liberação de toda a raiva da protagonista ao sujeito de sua aflição, e apesar da produção de natureza mais crua, conta com baterias militares, trompetes e Nikkiya aos gritos no refrão, ordenando para que coloquem “o mentiroso no lixo”. Lembra o outro hino feminista “Hollaback Girl”, da Gwen Stefani, como se ela fosse lançada em 2011 e tivesse um pé a mais no hip hop.

Nikkiya – Cheater

Se gostou do que ouviu, a mixtape SpeakHer, com onze faixas, pode ser baixada gratuitamente por aqui.


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/volia174/public_html/ohmyrock.net/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273