Passion Pit – I’ll Be Alright

Luis Felipe —  11/06/2012 — 1 Comentário

“Uma colher de açúcar faz o remédio descer mais fácil”, foi o que disse Michael Angelakos em entrevista ao Pitchfork ao falar do novo álbum do Passion Pit, Gossamer, que sai no mês que vem. O motivo, de acordo com o vocalista, é que o novo álbum traria uma sonoridade mais expansiva e feliz aliada de temas mais “sérios”, que, como vistos no primeiro single, “Take A Walk”, irão retratar da infidelidade, dos vícios e dos problemas enfrentados pelos integrantes no último ano. O novo single e segunda faixa do disco, “I’ll Be Alright”, reafirma sua proposta mas, ao contrário do primeiro single, soa muito mais como uma versão expandida do primeiro álbum do que como uma renovação do som da banda.

Dessa vez com uma sonoridade muito mais familiar que “Take A Walk”, “I’ll Be Alright” já começa com um batalhão de glitches e vocais processados que nos lembram na hora de uma versão mais frenética do refrão de “Sleepyhead”. Os vocais em falseto estão bem mais predominantes aqui também, que, apesar de felizes, escondem uma letra sombria que fala sobre pílulas, vícios e abandono. A canção, apesar de extrememente eletrônica, também conta com uma instrumentação mais orgânica composta de uma bateria irregular e de guitarras que aparecem no penúltimo refrão, que precede uma ponte cheia de samples e efeitos bizarros, o último suspiro da música antes de terminar na mais pura catarse, culminando em uma das canções mais diferentes da banda.

Passion Pit – I’ll Be Alright

O novo disco do Passion Pit, Gossamer, sai no dia 24 de Julho pela Columbia.

[Via]

Nenhum comentário

Seja o primeiro a começar a conversa.

Deixe seu comentário