Lana Del Rey – Ride / Burning Desire

Luis Felipe —  25/09/2012 — 9 Comments

Lana Del Rey trouxe um dos discos mais injustiçados pela crítica esse ano, e todo mundo que acompanhou a trajetória da cantora já sabe o porquê. Depois de louvá-la com apenas um único single, os críticos viraram as costas para Lana logo após descobrirem que ela já havia lançado um outro disco, sob o nome de Lizzy Grant. A partir daí, as teorias sobre a “veracidade” da cantora se iniciaram e foi o seu primeiro disco, Born To Die, que sofreu a retaliação. Entretanto, oito meses depois e com a poeira mais baixa, Lana prepara o relançamento do seu álbum com oito músicas inéditas, compondo assim o Born to Die – The Paradise Edition, cujo primeiro single divulgado, “Ride”, deve conseguir resgatar seu interesse pela cantora se alguma vez já se interessou por ela.

As belas harmonias vocais que abrem o single já deixam claro que a produção mais clássica da música é para quem prefere “Video Games” a “Born To Die”. O começo melancólico, com pianos, violinos e um vocal deliciosamente preguiçoso de Lana, lembram da parte mais calma de “Radio”, do primeiro disco, mas ao invés de cair no R&B no refrão, a produção alça vôos enquanto Lana mais uma vez declara que não é a menina mais comportada. No final, os violinos do refrão aumentam o ritmo e criam um efeito impressionante, deixando a música mais acelerada e grandiosa.

Lana Del Rey – Ride

Apesar de “Ride” ser o carro-chefe do relançamento, quem comprar o disco com antecedência recebe também a bônus “Burning Desire”, que contrasta com a sonoridade radiofônica do single a favor de uma instrumentação soturna e sexy. A produção tem aquele toque “cinematográfico” da versão finalizada de “National Anthem”, e compartilha dos vocais sussurrados e também de algumas letras, como em “wind in my hair“. O middle-8 com backing vocals fantasmagóricos ainda consegue fazer desta uma das músicas mais sombrias de Lana.

Lana Del Rey – Burning Desire

O Born to Die – The Paradise Edition, sai no dia 12 de novembro.


Fatal error: Uncaught Exception: 12: REST API is deprecated for versions v2.1 and higher (12) thrown in /home/luissal/ohmyrock.net/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273