Archives For June 2013

review1

Pode não ser o momento mais oportuno para falarmos de festas e remixes, mas convidamos você a também participar da nossa primeira discotecagem em Curitiba, que acontece na próxima sexta, dia 28, no James. Foi com muita felicidade que aceitei o convite do Denis, do In New Music We Trust (parceiro de longa data), que se une à festa Alta Fidelidade pra trazer o melhor da música-nova pra sua noite.

Para aquecermos até a data, preparamos uma mixtape especial de 50 minutos que serve de demonstração de como será nosso set. Uma dica? Extremamente dançante, alto astral, que mescla novidades e hits consagrados, tanto em versões originais ou remixes, que não vai te deixar parado por um minuto sequer. Basicamente, eis a trilha da sua sexta, e se quiser saber de mais detalhes da festa, basta clicar aqui.

DOWNLOAD: Mixtape: Oh My Rock PARTY with INMWT & Alta Fidelidade

É isso aí, te esperamos sexta que vem!

Quartae20

Demoramos, estamos um pouco sumidos, mas eis que surge das cinzas (!!!) as segunda edição da nossa querida nova coluna, a Quarta e Vinte, que promete trazer o melhor do future-bass para sua semana. Se você não conferiu a primeira edição, apesar do nome um pouco tendencioso, o objetivo aqui não é apenas ditar a trilha da sua próxima “viagem”, mas sim de qualquer momento de relaxamento ou descontração que você venha a ter – com bastante tranquilidade.

Na segunda edição, que já colhe os frutos da primeira, trazemos a leitora/dj/produtora Luana Aleixo, que se identificou com a proposta da coluna e me mandou um email logo em seguida pedindo pra fazer a próxima. Ela já me convenceu quando disse que era leitora do blog desde 2011 e que era bastante influenciada pelas Friday Mixes nos seus sets, mas quando a mix realmente chegou na minha caixa, Luana conseguiu me convencer pra valer. Uma mix fantástica de pouco mais de 30 minutos, a garota de Manaus reuniu nomes consagrados do bass internacional, artistas nacionais emergentes e até remixes de suas cantoras pop favoritas, todas em versões bem mais “chapada” do que você possa imaginar. Pra apertar – o play – e ouvir até a última ponta!

Quarta e Vinte Vol. II: “HIGHER TIMES” por Luana Aleixo

A tracklist da mix pode ser vista aqui e se seguir a garota, basta acessar seu SoundCloud!

.

Não é necessário ser da mesma geração que Eliza Doolittle para se identificar com seu novo single. Se a cantora inglesa mantiver o mesmo nível de “Big When I Was Little” nas demais músicas do segundo disco, que deve ser disponibilizado ainda em 2013, a chance de deixar os fãs satisfeitos e conquistar novos apreciadores é enorme, visto que a canção não se distancia da sonoridade apresentada no álbum de estreia e ainda demonstra o controle vocal e a maturidade da artista, que participou de “You & Me”, uma das melhores faixas do álbum do Disclosure. O clipe de “Big When I Was Little” abusa de tons alegres para proporcionar uma experiência descontraída e nostálgica, por conta dos figurinos, das imagens de pessoas dançando nas ruas e de cenários como uma loja de discos e CDs. Além de ter uma presença radiante, a cantora olha para o passado de maneira contagiante e com muitas referências à cultura pop dos anos 90, refletindo o saudosismo presente na letra.

 

.

Desde que surgiu no cenário musical, a jovem Chlöe Howl lançou o EP Rumour, que inclui músicas já apresentadas pelo blog, como “Rumour” e “No Strings”. Enquanto o álbum de estreia não é lançado (o disco deve ficar pronto até o final do ano), o público aproveita cada novo clipe para conhecer um pouco mais a cantora, que também está em fase de autoconhecimento, como a letra de “Rumour” revela. O trabalho mais recente da ruiva britânica é a uma versão diferente do videoclipe de “No Strings”, cujo clipe anterior seguia a mesma linha estética do vídeo de “Rumour”, em que a artista aparecia em cenários intimistas e coloridos, onde cantava para a câmera e extravasava sua raiva destruindo coisas. Dirigido por Dawn Shadforth, o novo vídeo do single “No Strings” é um despretensioso exemplo de metalinguagem, pois várias pessoas aparecem fazendo testes de elenco para o clipe de Chlöe Howl, que demonstra estar mais à vontade ao cantar e dançar sensualmente em diversos cenários elaborados.

.

Pouco depois de divulgar o single “Gun”, o CHVRCHES disponibilizou o clipe da música, que fará parte do álbum de estreia do trio escocês, que já lançou o Recover EP no começo do ano . Se as outras canções forem tão pegajosas e interessantes quanto “Gun”, o disco The Bones Of What You Believe (previsto para setembro) poderá ser um dos melhores do ano. O caleidoscópico vídeo consegue captar a jovialidade do grupo, que aparece em imagens que se dissolvem e se transformam em inúmeras figuras, devido a efeitos que formam um visual psicodélico.

 

.

Depois do vídeo de “Pretty Boy”, em que a beleza está na forma agradável como os personagens são retratados, o Young Galaxy investiu em uma beleza diferente no clipe de “New Summer”. O novo videoclipe da banda canadense conta com imagens desoladoras de cidades sendo destruídas de várias maneiras, garantindo a sensação de melancolia que a canção provoca. O encanto do novo single do álbum Ultramarine (lançado em abril) não está na mensagem, mas nos efeitos visuais de ótima qualidade. O diretor Ivan Grbovic criou uma espécie de apocalipse, com direito a cenas dignas de filmes sobre catástrofes globais, tanto que há takes reeditados de obras como “Matrix Reloaded” (2003), por exemplo.

.

Quando anunciamos o quinteto australiano The Preatures, comentamos sobre a influência dos anos 80 na música. Com o videoclipe para Is “This How You Feel?” revelado, temos a confirmação com um visual retro, que nos faz viajar mais de trinta anos no tempo nessa aventura psicodélica. O diretor do clipe parece ter colocado uma pitada do velho rock’n’roll que combinado com o vocais animados de Isabella e Jak Orion soa a mistura na medida certa. O vídeo mais parece um grande desafio ao ouvinte, procurando alguém que não esteja mexendo o corpo no ritmo da música após os primeiros segundos. A banda é uma das mais promissoras do ano e parece disposta a marcar o seu território com esse single.