Archives For beach boys

shynature

A biografia virtual dos rapazes do Shy Nature resume perfeitamente a aura do indie rock que o quinteto londrino faz, dizendo que o som deles nada mais é do que “songs about growing up in your 20’s”. Declaradamente influenciados por The Walkmen, Kate Bush e Beach Boys, a banda usa o flat do baterista Matt como lugar para escrever, ensaiar e gravar suas próprias composições.

Apesar de ser apenas a primeira amostra do que o Shy Nature tem a oferecer, “Deadly Sin” está fazendo um barulho considerável nas rádios britânicas e infectando pouco a pouco novos ouvintes com seus riffs dançantes, suas batidas cheias de vivacidade e seus vocais admiráveis. A verdade é que o single já tem potencial para ser o impulsionador da carreira da banda na cena independente britânica, música que tem um quê de futuro “hino indie” e um bom exemplo da nova cara que a guitar-music londrina ganhou nos últimos tempos. Claramente inspirada no The Walkmen, a canção começa como um novo single do Two Door Cinema Club em versão acústica, mas a impressão desaparece por completo com a chegada das guitarras e principalmente do refrão, que busca uma grandiosidade tal qual as mais trabalhadas do primeiro disco do The Vaccines. Graças às guitarras intensas, a música do Shy Nature esbanja energia e jovialidade, infectando nossos ouvidos com suas batidas afiadas e consagrando-os como mais uma boa promessa do indie rock inglês.

Shy Nature – Deadly Sin

“Deadly Sin” vai ser oficialmente lançada no dia 13 de maio.

sc256jacketv6

Banda californiana que não poderia soar mais praiana. Essa é a frase perfeita para apresentar o Cayucas, quinteto de Santa Monica que traz nostalgia para os nossos ouvidos fazendo um surf pop que soa como um Beach Boys meets The Drums. Com letras que falam exatamente sobre verão, sol e praia, o Cayucas cai nos clichês das bandas com batidas tropicais, mas graças a vocais contagiantes e melodias de tom divertido, é difícil não perdoá-los e não se deixar levar na viagem de volta para os anos dourados que suas músicas proporcionam.

O primeiro single da banda, “High School Lover”, foi o principal culpado pelo sucesso dos rapazes no festival americano SXSW, que desde então vem vendendo milhares de cópias digitais e alcançando números de visualizações cada vez maiores. A sonoridade sessentista da canção soa quase como se o Beck resolvesse fazer um power-pop a quatro décadas atrás, mas o resultado não poderia ser mais atual, com uma bateria cheia de gingado e um refrão com direito a harmonias vocais que fica grudado logo de primeira. O adorável video da faixa, dirigido por Cameron Dutra, abusa de efeitos de stop-motion para dar vida ao romance nostálgico da canção.

Cayucas – High School Lover

A segunda amostra do álbum dos rapazes chega sob o nome de “East Coast Girl”, baladinha alegre que certamente irá botar um sorriso no seu rosto, perfeita pra começar o dia. O sentimento de nostalgia é constante durante toda a faixa. A verdade é que o Cayucas, apesar do pouco tempo de estrada, já aprendeu a soar como um veterano, dando aura agradável e sensível para a sua música. Apesar de num primeiro momento parecer um tanto superficial, não se deixe enganar por suas melodias pop – esta é uma faixa para estar na sua playlist de praia, um surf pop bastante sólido. Ainda assim, “East Coast Girl” flui de forma natural exatamente por causa da sua simplicidade, mostra serviço trazendo riffs solares e batidas lo-fi, e é um dos destaques do debut da banda, Bigfoot. Eles não querem redefinir o gênero, nem trazer grandes inovações, o Cayucas quer apenas dar mais charme para a cena do surf pop.

Cayucas – East Coast Girl

O primeiro registro da banda, Bigfoot, será lançado pelo selo Secretly Canadian oficialmente no dia 30 de abril.