Archives For empire of the sun

.

O French Horn Rebellion chamou a nossa atenção com as contagiantes “Friday Nights”, parceria com o Viceroy, e “Girls”, que tem participação de JD Samson e Fat Tony. Depois de divulgar clipes para “Johnny Smash” e “Dancing Out”, o duo lança o vídeo de “Caaalifornia”, que tem colaboração de Ghost Beach e Bebe Panthere. Dirigido por EVERDREAM, o videoclipe é bastante divertido, apoiando-se em momentos engraçados que mostra os irmãos Robert e David Perlick-Molinari interagindo com pessoas, objetos e animais na Califórnia. Efeitos visuais alteram as dimensões dos rapazer, garantindo um efeito descontraído que combina com a música, que tem a mesma vibração despreocupada do som de Viceroy e Empire Of The Sun.

.

Quem conhece o Empire Of The Sun sabe muito bem que conferir os vídeos do duo é o mesmo que ser levado a uma aventura que mistura fantasia com referências futurísticas saídas de filmes de ficção científica. Depois dos desertos e outras paisagens vistas no clipe de “Alive”, os artistas colocam o “pé no chão” para o vídeo de “DNA”, que ajuda a promover o álbum Ice On The Dune. Dirigidos por Emmet Malloy, os músicos Nick Littlemore e Luke Steele aparecem perdidos em San Fernando Valley. Enquanto o pop dançante e cheio de sintetizadores toca, acompanhamos a dupla performática fazer coisas banais, como andar de bicicleta, pegar um ônibus vazio durante a noite e arranjar confusões após uma festa. O contraste dos figurinos chamativos com os cenários comuns só aumenta impressão de que os artistas vieram de outro planeta.

maxresdefault

A Austrália é um lugar que  tem nos presenteado com músicos incríveis desde sempre, e não dá  pra negar que a  cena eletrônica é uma das mais interessantes do país. Nomes como Cut Copy, Empire Of The Sun e Miami Horror fazem barulho lá e aqui, e por isso a gente percebe que os australianos tem um talento especial para nos fazer dançar com seus sintetizadores eufóricos e batidas contagiantes. E no meio desse cenário inflado por bandas e duos incríveis, os dois irmãos Cosmo e Patrick Liney surgem, diretamente de Sidney, para te fazer embarcar na viagem envolvente do Cosmo’s Midnight (que talvez você já conheça pelo remix apaixonante de “Little Bit” da Lykke Li).

“Phantasm” é o primeiro single da dupla que, declaradamente influenciada pelo Purity Ring, chega com elementos experimentais tímidos, mas suficientes para garantir uma aura chillwave sem igual para a faixa. Os sintetizadores criam uma atmosfera elegante, suave e misteriosa, que poderia muito bem servir de trilha para uma músca do AlunaGeorge e é perfeita para relaxar e viajar na melodia deslumbrante das batidas do duo. Enquanto isso, os vocais devaneadores e adocicados da conterrânea Nicole Millar ajudam a criar a vibe ambient que a dupla quer mostrar, e fazem de “Phantasm” a música perfeita para representar o material original do Cosmo’s Midnight e ser o carro-chefe do EP lançado dia 8 de maio.

Cosmo’s Midnight – Phantasm

.

Quando pensamos no Empire Of The Sun, logo associamos a algo épico. E como resumir o vídeo de “Alive”, primeiro single do álbum Ice On The Dune, em apenas uma palavra? Épico. Dirigido por JD Dillard, o clipe acompanha Emperor Steele e Lord Littlemore em uma jornada mitológica e futurista em uma ilha. A história gira em torno, basicamente, de uma suposta luta contra o mal, com a câmera exercendo, sem dúvidas, um grande papel ao captar detalhes essenciais para a beleza e a construção da fantasia no pouco mais de três minutos de duração. A música carrega um ritmo acelerado e ganha um grande destaque ao receber algo como um coral infantil na construção dos versos. Após cinco anos desde o último álbum, o segundo disco da dupla tem lançamento marcado para 16 de junho

..

Quem já ouviu “Waves” sabe como a música do Blondfire tem a capacidade de grudar na cabeça como ondas que tocam suavemente os pés durante um passeio à beira do mar. O começo da música lembra o início de “We Are The People”, do Empire of the Sun, devido ao som de violões acompanhado de uma batida eletrônica. Porém, basta ouvir a voz suave da vocalista para notar que a canção tem uma levada única e deliciosa. Formado pelos irmãos Erica e Bruce Driscoll, o Blondfire divulgou recentemente o videoclipe de “Waves”, que faz parte do EP Where The Kids Are, lançado em novembro do ano passado. O vídeo foi dirigido por Gus Black, que filmou belas imagens de dunas e montanhas, além de Erica cantando em meio às paisagens desérticas.

Pnau – The Truth

Luis Felipe —  17/02/2011 — 6 Comments

Talvez mais conhecidos pelo seu projeto paralelo, Nick Littlemore e Peter Mayers, as cabeças por trás do Empire of The Sun, estão finalmente de volta à sua banda de verdade, o PNAU, que lançou o último disco em 2003, mas que já estão prontos para lançar o quarto disco de estúdio, o Soft Universe. Descrito pelos caras como “um pouco de Bowie misturado com um pouco de Bono“, o LP chega embalado do belíssimo primeiro single, “The Truth”, que se encaixa bem na descrição da banda. Resumindo: refrões grandiosos se encontram com sintetizadores pulsantes anos 80, que no final, mesmo se gostar pouco de electropop, ficará grudado na sua cabeça, e com altas chances de se tornar a sua favorita pelo resto do mês. A mesma melancolia presente nas novas faixas da Robyn, que falam sobre decepções amorosas e arrependimentos, também se encontram aqui, porém embrulhados em uma produção ainda mais caprichada, que grita pra ser escutada com fones de ouvido.

Pnau – The Truth

O quarto disco do Pnau, Soft Universe, aquele que tem tudo pra desbancar o projeto paralelo deles, chega somente no verão norte-americano. Mas com “The Truth” pra passar o tempo, a espera deverá passar mais rápido.

Tudo bem que hoje é sexta feira e ninguém deve estar a fim de assistir suas canções pré-balada transformadas em covers acústicos, mas simplesmente não consegui deixar de postar. Vamos às canções que vão fazer da sua manhã mais legal:

Lissie – Bad Romance

Começando pelo melhor cover que você vai ouvir em um bom tempo, Lissie arrisca ao tocar uma música completamente estourada a pouco tempo como Bad Romance, e que todos devem estar enjoados. Mas mesmo que você não consiga mais ouvir o famoso refrão ou o grito “I’m A Free Bitch, Baby!” de GaGa, Lissie consegue fazer com que você se apaixone pela música como se fosse 2009. O começo é lento, acústico, pra então seguir num ritmo mais acelerado, com guitarras até, durante os seus quase seis minutos, e nem um de tédio.

Lissie – Bad Romance (Lady GaGa)

Kate Miller – Walking On A Dream

Não se engane pela cara de ninfeta de Kate Millie. O cover mais acústico do post, de uma pérola do Empire of The Sun, é reproduzido impecavelmente por sua voz semi angelical. E quem diria que Walking On A Dream poderia ser tão romântica? Por trás de todos aqueles sintetizadores, pela primeira vez consigo enxergar o coração da música, que também caiu muito bem nessa versão.

Kate Miller – Walking On A Dream (Empire of The Sun)

Marina & The Diamonds – Starstrukk

Talvez a mais conhecida do post por muitos, e favorita do blog, Marina & The Diamonds reproduz um cover bem inusitado e igualmente genial, de uma música que aqui ficou praticamente irreconhecível. Apesar de começar lenta, Marina acrecenta pianos, bateria e até violinos em sua versão, que nos faz até pensar que ela está fazendo um cover de um clássico, e não de uma música que tem como participação especial a Katy Perry. Se preferir, assista o vídeo da apresentação, apresentado no programa de covers da BBC.

Marina & The Diamonds – Starstrukk (3OH!3)_______