Archives For Little Daylight

SD_Daylight

O trio de electropop Little Daylight, de Nova York, começou cativando o mundo dos blogs com seus remixes cheios de personalidade, que abrangem de Passion Pit a Edward Sharpe & The Magnetic Zeroes, de The Temper Trap a Niki and The Dove, e todos com uma autenticidade e ousadia admiráveis. Há dois meses lançaram seu primeiro single, “Overdose”, e provaram que seu talento vai além do mundo dos remixes, fincando a estaca na posição de queridinhos pelos blogs. O sucesso, entretanto, vai além dessa esfera e, nesse mês de maio, o trio entrará em turnê com ninguém menos que a Charli XCX.

“Name In Lights”, o segundo single do trio promissor, corresponde às expectativas bem no jeito do Little Daylight: mudando de estilo em relação ao primeiro single imponente. Esse novo parece ter caído dos céus, num synth-pop tão angelical que está mais para um “synth-heaven”. Com um jogo delicado e muito natural de texturas downtempo que competem na suavidade, o ambiente é refrescante e relaxante, como os harmoniosos do Au Revoir Simone. Entretanto, ainda há espaço para uma percussão e uma linha de baixo bem animadinhas, que quebram um pouco do ar cândido da música e revelam uma maturidade meio escondida, mas, com certeza, presente – como se fosse uma mocinha que mantém a meiguice de sua infância, mas já tem toda a avidez de uma mulher. E essa mesma impressão aparece também na técnica: o ambiente etéreo domina a cena, mas a produção é de uma qualidade impressionável, que merece destaque. O final é outro detalhe que traz magia de seu esconderijo: parece comum, mas termina como deveria, nos tranquilizando depois de ter nos levado a essa viagem celestial. Então feche os olhos e deixe-se levar por ela!

Little Daylight – Name In Lights

O primeiro álbum do Little Daylight já está sendo planejado e incluirá os dois singles, além de vários remixes de “Overdose”, como os de Tippy Toes, Ghost Loft e Twice As Nice.

little-daylight

Formado por três amigos em um porão no Brooklyn, o Little Daylight alcançou diversas páginas (inclusive a nossa) graças aos seus ótimos remixes para artistas como St. Lucia, Passion Pit e Penguin Prison. Entretanto, mal sabíamos que, assim como para nós, as produções eram apenas uma diversão para a banda, que estava desenvolvendo seu próprio som e usando as produções apenas de aprendizado.

E é assim, com o talento de um veterano, que o Little Daylight chega com “Overdose”, sua primeira canção original. Apesar da analogia batida, que compara um amor obsessivo com um vício descontrolado, fica difícil não ceder aos versos melódicos e ao refrão explosivo que eles trazem aqui, liderados por uma adorável vocalista que passeia entre sintetizadores e guitarras com a graça de uma Sky Ferreira cantando uma música do The Naked & Famous. Pra ouvir sem moderação.

Little Daylight – Overdose