Archives For Studio Killers

Jenny+-+Single

O Studio Killers é, sem dúvidas, um dos projetos musicais mais divertidos atualmente. Apesar de já citado por aqui, não custa nada lembrar que estamos falando de um misterioso projeto-cartoon, tipo o Gorillaz, formado pelos membros Cherry, uma party-girl andrógina; Goldie Foxx, uma raposa que toca keytar; e Dyna Mink, o DJ castor e produtor oficial do grupo. O coletivo ainda conta com músicos, produtores e animadores (ainda anônimos), que dão vida às composições extremamente honestas (e bem humoradas) das canções. Quando apareceram por aqui pela primeira vez, com “Ode To The Bouncer”, trouxerem a crônica de uma pessoa para passar por cima do segurança da boate, e, nesse ano, “All Men Are Pigs” comprovou o tom feminista do seu repertório.

Apesar do material escasso, a banda está prestes a lançar um disco de estreia agora em junho e, para isso, convocou um novo single para dar início à sua divulgação. Em “Jenny”, temos uma garota que não aceita ser somente a melhor amiga da personagem em questão, querendo ir um pouco mais além e conquistar a garota de vez. Soando como um house comercial, que poderia ser facilmente digerido pelas rádios – só que mais sofisticado do que o costumeiro -, a música, que é menos melódica e mais pop do que “Eros & Apollo”, conta com batidas tropicais prontas para as pistas, uma sanfona eletrônica deliciosa e sintetizadores que fazem toda diferença, servindo de fundo para o vocal ímpar e andrógino de Cherry. Eles podem até ter perdido um pouco daquela excentricidade inicial, mas não há como negar que continuam sendo bem irreverentes, divertidos e dançantes, característcas que nos deixaram apaixonados pelo Studio Killers desde o começo.

Studio Killers – Jenny

Studio-Killers-Ode-To-The-Bouncer-DJ-XDC-Bootleg

A única coisa que a gente não gosta dos suecos do Studio Killers é o ritmo do lançamento de suas músicas. Formado por Cherry, uma party-girl que mais parece uma versão drag da Kylie Minogue, Goldie Foxx, uma raposa hipster, e Dyna Mink, o castor e produtor do grupo, apresentamos o trio em 2011 com a excelente “Ode To The Bouncer” e sua produção synth-pop eufórica, e em 2012 o grupo cartoon voltou com “Eros & Apollo”, mas ainda sem novidades sobre sua real identidade ou muito menos notícias concretas sobre um disco.

Neste mês, entretanto, apesar de não divulgar muitas novidades, a banda lançou mais um single, a feminista “All Men Are Pigs”, que já havia sido apresentada por aqui em uma versão não finalizada. Como um verdadeiro hino de guerra que expressa todo o repulso pelo sexo masculino, a canção só não é mais agressiva quando você pára pra pensar que metade da banda é composta por animais e que a própria vocalista, Cherry, é de fato um homem, como revelado na própria letra – muito sagaz, diga-se de passagem. Para acompanhar as citações à Simone de Beauvoir e filmes noir, o trio traz uma produção euro-disco cheia de sintetizadores e batidas frenéticas, como visto nos outros singles, que aliadas a um refrão extremente grudento e versos cantados a todo gosto pela vocalista, acabam transformando o pequeno lançamento no mais divertido do grupo, independente do sexo que você for.

Studio Killers – All Men Are Pigs