Archives For Tove Lo

SVE

Com um grande alcance vocal, SVĒ promete figurar entre as playlists de muita gente, graças a músicas como “My Religion”, que tem boas chances de colocar a cantora no mesmo patamar que a sueca Tove Lo. De letra fácil de lembrar e perfeita pra ser cantada junto, “My Religion” é um synthpop dançante para nenhum fã de Say Lou Lou Betty Who botar defeito. A cantora, originária do Brooklyn, prepara-se para lançar seu primeiro álbum em 30 de junho, denominado My Religion, e prova através da canção título que o debut deverá ser um dos mais cativantes do ano. Se quiser mais um gostinho, ouça “Talking to the Walls” e “Riot”, que conta com um clipe bem bacana.

.

Quem já recorreu a hábitos nada saudáveis para tentar esquecer alguém vai se identificar com a letra melancólica da agitada “Habits”. O lançamento do EP Truth Serum fez a sueca Tove Lo criar um novo clipe para sua música mais pegajosa, que já tinha um ótimo clipe, retirado do ar após a divulgação do novo trabalho. A direção de Motellet aposta em uma câmera que acompanha a cantora em suas tentativas de tirar alguém da mente por meio de muita bebedeira, pegação e outras coisas que afloram a vulnerabilidade da sueca, que não apenas se diverte bastante, mas também se entristece pelo vazio que sente. O clipe é tão bom que quase nos faz esquecer que a Tove Lo não incluiu a deliciosa “Love Ballad” no EP, que conta com ótimas músicas como “Out Of Mind”.

.

Se você ainda não conhecia a Tove Lo, prepare-se para mais um vício. Caso você já tenha escutado o som da sueca Tove Nilsson, temos uma ótima notícia: a artista assinou um contrato com uma gravadora e deve lançar seu debut no começo do próximo ano. Para comemorar a novidade, seu novo single, “Out Of Mind”, é um excelente exemplar do talento da cantora, que já foi comprovado nas incríveis “Habits” e “Love Ballad”. A nova canção é uma balada que começa suave, numa pegada similar à sonoridade de cantoras como Laura Welsh e Frida Sundemo, mas basta o refrão começar para Tove Lo deixar transparecer sua personalidade, de energia visceral. O clipe de “Out Of Mind” exibe a cantora sendo perseguida por seus próprios demônios, retratadas por meio de sombras que, literalmente, saem da cabeça da artista.

.

Quando apresentamos Linnea Dale, associamos a cantora a artistas como Tove Lo e Lykke Li, porém, cada nova audição deixa clara a semelhança de Linnea Dale com a intrigante Laura Welsh, graças aos vocais sedutores e a uma sonoridade bastante sofisticada, cujo impacto cresce na medida em que o refrão se aproxima.  “A Room In A City” possui um videoclipe que já foi divulgado há algum tempo, mas que merece ser descoberto devido à elegância que reflete o efeito da música. A direção do vídeo de “A Room In A City” ficou sob a responsabilidade de Bjørn Opsahl, que criou uma atmosfera de sonho em função de uma fotografia predominantemente em preto e branco, com a artista norueguesa esbanjando sua sensualidade natural não apenas para os homens e mulheres presentes no vídeo, mas também para quem assiste ao clipe.

LinneaDaleA-Room-In-A-City-Single-cover-e1372334074173

Anote bem este nome, pois Linnea Dale será uma dessas boas revelações da música pop daqui alguns meses. Dona de uma voz singular, a jovem cantora norueguesa de 22 anos iniciou seus projetos no mercado fonográfico em meados de 2007, após participar de um famoso concurso de música. Com um álbum de inéditas lançado ano passado e inúmeras colaborações no currículo, Linnea parece estar pronta para ganhar o mundo junto aos seus próximos lançamentos.

Sem muitos segredos, A Room in A City funciona como uma balada synth-pop elegante que se destaca pela belíssima e moderna produção, que traz ao longo de quatro minutos muitos sintetizadores, violinos, sinos e uma batida que horas lembram as produções do Miike Snow. Os efeitos seguram as expectativas dos versos e culminam em um glorioso refrão, com vocais tão melodramáticos que chegam a lembrar o último single da Tove Lo e os momentos mais depressivos da Lykke Li, sob uma estética synth-pop. Bem ao estilo das faixas que ganhavam as rádios no começo dos anos 2000, “A Room in A City’’ une ingredientes básicos da musica pop para resultar em uma canção de produção moderna, pronta para agradar qualquer amante do gênero.

Linnea Dale – A Room In A City