Archives For Wet

.

Lançado no dia 15 de outubro, o EP Wet prova que o Wet tem um futuro promissor. Os sons cheios de experimentalismo conquistam facilmente, como já havíamos comentado quando foram divulgadas as canções “No Lie” e “You Da Best”, que mudou de nome para “You’re The Best” na versão definitiva. O primeiro registro audiovisual do trio foi dirigido por Jared Hutchinson, que capta a mistura de melancolia e animação da música por meio de uma fotografia que se alterna entre imagens soturnas e outras cheias de luzes coloridas, o que representa bem o contraste entre a calmaria e a agitação dos jovens, que aparecem passeando de carro durante a noite e também em uma danceteria.

 

You’re the Best from Wet on Vimeo.

artworks-000057528749-y109es-original

Quando três amigos virtuais reúnem o amor por música e decidem “brincar de produzir”, nem sempre o resultado é dos melhores, o que de longe não é o caso do trio Wet. Formado por Kelly Zutrau, Martin Sulkow, e Joe Valle, o projeto musical lançou em agosto a brilhante “You’re The Best”, que nos encantou com sua produção futurística e vocais robóticos. Depois de finalmente se firmarem no Brooklyn, tudo começou a ganhar forma e proporções maiores que culminam agora em “No Lie”, single de estreia do grupo a ser lançado pelo bombado selo Neon Gold Record, responsável por lançamentos como Passion Pit, St Lucia, HAIM, MØ, dentre outros.

A mistura do R&B com elementos pop fica clara durante os quatro minutos da faixa, que soa como um encontro entre a produção do How to Dress Well e a melancolia do The Weeknd sob vocais femininos. Em “No Lie”, somos apresentados à uma relação na qual não existe mais amor, porém tudo é tão real para quem canta que parece não haver mentira, assim como sugerido pelo nome. Logo de cara, toda a tristeza e sentimento de apego são depositados pelos vocais sensuais e hipnotizantes de Zutrau, que culminam num refrão nada explosivo, mas ainda assim poderoso, que poderia facilmente ser entoado por centenas de corações partidos. Com uma atmosfera obscura, barulhos de estalos e uma percussão enfática que cresce até o fim, o Wet tem nas mãos um dos mais primorosos singles do chamado neo-R&B deste ano.

Wet – No Lie

O primeiro EP sai no próximo dia 15 de outubro, com produção de Xaphoon Jones, ex-membro do duo de hip-hop alternativo Chiddy Bang.

Wet – U Da Best

Luis Felipe —  01/08/2013 — 1 Comment

artworks-000044353202-62ki3c-original

Os sentimentos de arrependimento e incerteza nunca soaram tão tentadores numa canção quanto em “U Da Best”, do trio nova-iorquino Wet. Economizando inclusive na gramática, o trio é dono de um future-pop minimalista que acaba de tomar forma com o lançamento deste primeiro single, um número sublime e moderno, que nos agarrou logo no primeiro segundo (sério mesmo).

Apresentando logo de cara os vocais de Kelly Zutrau, a canção se inicia de forma sensual até ir encorpando sua produção, deixando uma série de surpresas e mudanças de ritmo ao longo do caminho. A composição carrega um senso de melancolia escondido entre seus versos de amor, e a produção, que soa como um encontro entre o futurismo do AlunaGeorge e o minimalismo do The xx, solta suas verdadeiras batidas na casa dos 40 segundos, pontuando ainda uma série de efeitos nos vocais de Zutrau (no melhor estilo Imogen Heap) junto a deliciosas linhas de guitarra e um grave hipnotizante, que parece massagear seu cérebro e te colocar em transe. De ficar realmente molhado.

Wet – U Da Best