Archives For yellow ostrich

Já falamos do Yellow Ostrich por aqui, num EP incrivelmente divertido que o cara fez sobre a página do Wikipedia do Morgan Freeman, mas se perdeu, não se preocupe. Na verdade, Yellow Ostrich é o projeto do multi-instrumentalista Alex Schaff, que compõe e produz suas próprias canções sem ajuda de ninguém, mas que conseguem deixar muitas bandas no chinelo. O som tem uma pegada indie-pop, mas sem muitos elementos eletrônicos, e como pudemos ver no EP citado, ele tem uma mão e tanto para melodias grudentas e arranjos bem organizados.

O próximo passo do projeto é o lançamento do primeiro disco, o The Mistress, e o primeiro single do álbum é essa deliciosa música chamada de “Whale”, que começa crua, com apenas com apenas alguns batuques e algumas harmonias vocais. A música permance desse jeito pela maior parte dos seus quatro minutos, até que na sua metade os tambores páram e os vocais de Schaaf tomam o controle total da canção, onde ele pede que sua baleia não se preocupe e “faça o que quiser”, desde que “ela abra o coração”. Em seguida, os batuques voltam, acompanhados de mais instrumentos, que adicionam ainda mais força à palavra do músico.

Yellow Ostrich – Whale

O álbum The Mistress foi lançado em formato físico esse ano, mas já está disponível no Bandcamp da banda pelo esquema de “pague o que quiser” desde o final do ano passado, então se quiser ouvir mais (e vale a pena!), é só dar um pulinho aqui.

“Inspirado pela página do Wikipedia do Morgan Freeman, diz Alex Schaaf sobre seu nome EP, chamado de Morgan Freeman EP, lançado sob o pseudônimo de Yellow Ostrich. E não é o que cara estava correto? O EP conta com 6 faixas, cada uma delas cobrindo uma fase da vida do ator (e um tópico do Wikipedia), indo desde o seu nascimento a seus recentes trabalhos. Curioso e receoso ao mesmo tempo, tratei de ouvir a primeira faixa, Morgan Freeman’s Early Life. E não é que o resultado ficou maravilhoso? O cara conseguiu pegar ao pé da letra quase todas as informações do site, rimar tudo e criar uma canção lo-fi-folk-pop maravilhosa, bolando até mesmo refrões onde não existem. O mais legal é o final, que cria toda uma atmosfera épica pra contar o desfecho da fase juvenil do cara. Hilário, criativo e brilhante.

E tem mais, o EP todo é muito bom. O maior destaque, sem dúvidas fica com Morgan Freeman’s Selected Filmography, em que o cantor CANTA (sim, ele arranja um jeito de cantar ao invés de só falar) todos em filmes da carreira do ator em forma de canção, de uma forma genial, e com um refrão lindo que vai por March of The Penguins, Batman Begins!”. Tudo envolto por sintetizadores e batidas primárias, o EP tem cara de demo e é um show de criatividade, e o melhor, é de graça. Ouça todas as faixas abaixo, e baixe também “em todas as qualidades possíveis, a qualquer preço” no bandcamp do Yellow Ostrich, e o melhor, sem preciasar dar nenhum email.

♫ Yellow Ostrich – Morgan Freeman’s Selected Filmography

♫ Yellow Ostrich – Morgan Freeman’s Early Life

+DOWNLOAD O EP COMPLETO